terça-feira, 30 de dezembro de 2008

REFORMA ORTOGRÁFICA...

TREM AZUL postou:
auê na reformaortográfica




Se os portugueses resolverem seguir os gramáticos retrógados, problema deles. Eles são dez é nós brasileiros somos 200 milhões. Palavras do presidente da Academia Brasileira de Letras, sobre a quizumba que vem se formando em torno da reforma ortográfica da língua portuguesa.Antes de tudo é bom lembrar que as mudanças, que entram em vigor dia primeiro de janeiro, são na forma da escrita e não no jeito de se expressar.
Por exemplo, os brasileiros continuarão dizendo que o fulano está esperando o ônibus na fila. E os portugueses que o fulano está a esperar o auto-carro na bicha. Se é para facilitar a compreensão, como vemos, estamos longe de solucionar o problema do vocabulário, do sentido das palavras. Trata-se de igualar a escrita das palavras. E não se tem ainda, por exemplo, acordo sobre o "c" no meio de tantas delas, como facto, acção, etc. Do que se tem falado, a queda do trema é a única coisa que pode ser comemorada como uma oportuna simplificação. O resto, é típico das regras da língua portuguesa: o que temos são regras com exceções, muitas exceções. Vejam o caso do hífen: cai nas palavras formadas por dois substantivos ligados por preposição, com exceção daquelas que referem fauna e flora, como bicho-da-seda, copo-de-leite. Aí vem pé-de-cabra, aquela ferramenta que não é fauna nem flora, então pé de cabra. Pé e cabra são fauna, mas...
São questões que devem ser conversadas.
Um exemplo que certamente trará problema para o entendimento é a supressão do acento na palavra pára, do verbo parar. Vai ficar igual ao para conjunção. Homem pára sessão do tribunal, fica homem para sessão do tribunal, um homem feito para sessões de tribunais. Pois. Mas não fica aí a questão do acento no para e pára. Pára-brisas, pára-quedas, que passam a parabrisas e paraquedas ou, se separados por hífem sem o acento. Não há consenso entre portugueses e brasileiros. As regras vêm sendo estudadas e propostas há vinte anos, especialmente pelo brasileiro Antonio Houaiss e pelo português Lindley Cintra. Ambos morreram...
De resto, o acordo que vale a partir de janeiro no Brasil depende de seguir o que determina o “Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa”, com prazo para ser feito pela Academia Basileira de Letras até 2010. Em portugal, o prazo é até 2012. Portanto, nesse desacordo da reforma da língua portuguesa o que temos é que se escreve como se quiser, sem estar errado. Com as exceções, claro.
Trem Azul

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

COPA DO MUNDO DE 2014

Revisores do "O Globo" entram de férias e notícias a favor do presidente Lula não são cortadas.Brasil marcou um golaço para a Copa de Mundo de 2008
Doze cidades verão jogos da Copa do Mundo no Brasil.
Antonio Nascimento
RIO - Brasil marcou mais um golaço para a Copa de Mundo de 2014. Em reunião do Comitê Executivo, nos dias 19 e 20 de dezembro, em Tóquio, paralela ao Mundial de Clubes, a Fifa bateu o martelo e aprovou a solicitação da CBF para ter jogos do Mundial em 12 cidades, segundo fonte da entidade, na Suíça.
O comitê era o único órgão com autoridade para tomar a decisão, já que no caderno de encargos enviado à máxima entidade do futebol o número estabelecido era de dez, a exemplo do que ocorrerá na África do Sul, em 2010. Na Alemanha, também foram 12 cidades - a Espanha, em 1982, teve o maior número de sedes, com 13, sem contar Coréia do Sul e Japão, com 19 no total.
Com isso, está garantida a presença de uma cidade da Amazônia na Copa, uma das bandeiras da CBF, já que a região representa 43% do território brasileiro e tem grande apelo internacional. A disputa passa a ser, agora, entre Manaus e Belém, pois Porto Velho, em Rondônia, está praticamente descartada. O Pantanal dificilmente ficará de fora da competição, com a briga sendo entre Cuiabá e Campo Grande.
Além de uma cidade da Amazônia e uma do Pantanal, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre já estão asseguradas no Mundial, assim como Brasília, por ser a capital. O Nordeste deve ter três sedes, com favoritismo disparado para Recife, Salvador e Fortaleza. Curitiba dificilmente ficará fora. Com isso, a última vaga será disputada entre Goiânia e Florianópolis, com vantagem para a capital catarinense, por causa de sua rede hoteleira.
Além da possibilidade de organizar jogos da Copa, as 18 candidatas estarão brigando ainda pela possibilidade de ter acesso ao PAC da Copa, como anunciado, em Brasília, pelo ministro do Esporte, Orlando Silva, que, por sinal, errou ao dizer que seriam dez sedes. O programa é um conjunto de obras de infra-estrutura e transportes do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), financiado pelo governo federal.
Postado por APOSENTADO INVOCADO 1 às Sexta-feira, Dezembro 26, 2008

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

CUIDADO COM CHEQUES

O Portal de Notícias da Globo
>
> 15/08/08 - 18h44 - Atualizado em 15/08/08 - 19h02
>
> Cheques são adulterados em microondas em SC
>
> Valores impressos mecanicamente são apagados após período no forno.
> Perito recomenda usar a caneta para o preenchimento.
>

> Cheques preenchidos em máquinas são adulterados em microondas em SC
>
> Golpistas que atuam em Santa Catarina descobriram um jeito de
> adulterar os valores de cheques que são preenchidos em máquinas
> eletrônicas. Os valores dos cheques impressos mecanicamente são
> apagados quando colocados em fornos microondas por determinado tempo e
> potência.
>
> Com o procedimento, apenas a assinatura do cliente, feita a caneta,
> permanece intacta. Assim, os cheques podem ser preenchidos novamente.
>
> 'O preenchimento [na máquina] é feito com toner, que é um pó. Este pó
> é desintegrado dentro do microondas', diz o perito em falsificações
> Arnaldo Ferreira.
>
> Nos últimos dois meses, uma mesma agência bancária de Florianópolis
> recebeu 11 cheques adulterados da mesma forma. Segundo o perito, um
> cheque de R$ 27 emitido em um circo na capital foi compensado dois
> meses depois, em Feira de Santana, na Bahia, por R$ 4,2 mil.
>
> O perito recomenda, como precaução, usar a caneta para o preenchimento
> dos cheques.
>
> (*Com informações do Diário Catarinense)

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

DIA MUNDIAL DA LUTA CONTRA AIDS - 1º DEZEMBRO

O artigo a seguir foi extraído do blog:
http://www.blogdamulher.com/dia-mundial-da-luta-contra-a-aids-1%c2%ba-de-dezembro/
e colocado aqui por acha-lo de utilidade pública.

Dia Mundial da Luta contra a AIDS - 1º de Dezembro
Categorias: Comportamento, Saúde da Mulher
Escrito por: kat
AIDS, doença que afecta o sistema imunológico do individuo, transmitidas através de relações sexuais, transfusões de sangue, ou contacto com agulhas ou objectos cortantes contaminados com sangue de pessoa portadora do virus HIV. Os primeiros casos de AIDS começaram a aparecer na década de 80, e desde então as estátisticas vêm crescendo, mostrando um número cada vez maior de pessoas contaminadas. É importante a população mundial se conscientizar de que se não houver efectiva prevenção, estão sujeitas a contrairem a doença. Hoje já existem coquetéis de remédios que ajudam a prolongar a vida do doente, entretanto nem todos de facto tem a sorte de viver muitos e muitos anos com a doença e manter um nivel de qualidade de vida bom. Temos de ser realistas, e pensarmos frontalmente num exemplo:
1- Você tem um namorado, confia nele, decidem se relacionarem sexualmente sem preservativos. Num dia qualquer em que seu namorado sai com alguns amigos, consciente ou não, relaciona-se com alguma garota que não conhece e não se previne; não usa preservativo. (Ele não sabe que tipo de vida esta garota leva, será que ela usa drogas? Será que relaciona-se com outros homens mais, sem se prevenir com o uso do preservativo? E quem são estes homens com os quais esta garota se relaciona? Serão viciados em algum tipo de droga? Ou serão promíscuos, se relacionando com uma e com outra, sem qualquer tipo de preocupação?). Posterior ao seu namorado ter se relacionado com esta garota, continua a relacionar-se com você e sem preservativos. Caso ele tenha contraído algum tipo de doença seja a AIDS ou seja alguma DST, ele passará para você!!!
Compreendeu o ciclo? Compreendeu que é uma corrente de muitos elos? Portanto previna-se e caso seu namorado ache que é falta de confiança da sua parte, explique a ele seus motivos. Se ele for uma pessoa inteligente, consciente irá compreende-la perfeitamente.
Dia 1º de Dezembro é o dia mundial da luta contra a AIDS, divulgue esta campanha e ajude a salvar milhares de vidas.

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

A ELEGANCIA DO COMPORTAMENTO



Minha Mulher curtindo nossa netinha.

A ELEGÂNCIA NO COMPORTAMENTO

Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara : a elegância do comportamento. É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza.

É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto.

É uma elegância desobrigada.

É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam. Nas pessoas que escutam. E quando falam, passam longe da fofoca, das pequenas maldades ampliadas no boca a boca.

É possível detectá-la nas pessoas que não usam um tom superior de voz ao se dirigir a frentistas.

Nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.

É possível detectá-la em pessoas pontuais.

Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem presenteia fora das datas festivas, é quem cumpre o que promete e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está.

Oferecer flores é sempre elegante.

É elegante não ficar espaçoso demais.

É elegante você fazer algo por alguém e este alguém jamais saber o que você teve que se arrebentar para o fazer...

É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao outro.

É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais.

É elegante retribuir carinho e solidariedade.

É elegante o silêncio, diante de uma rejeição....

Sobrenome, jóias e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.

Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante.

É elegante a gentileza; atitudes gentis falam mais que mil imagens...

Abrir a porta para alguém? É muito elegante.

Dar o lugar para alguém sentar? É muito elegante.

Sorrir, sempre é muito elegante e faz um bem danado para a alma...

Oferecer ajuda? Muito elegante.

Olhar nos olhos ao conversar? Essencialmente elegante.

Pode-se tentar capturar esta delicadeza natural pela observação, mas tentar imitá-la é improdutivo.

A saída é desenvolver em si mesma a arte de conviver, que independe de status social: é só pedir licencinha para o nosso lado brucutu, que acha que "com amigo não tem que ter estas frescuras".

Se os amigos não merecem uma certa cordialidade, os inimigos é que não irão desfrutá-la.

Educação enferruja por falta de uso.

E, detalhe: não é frescura.

Martha Medeiros


Hoje estávamos comentando justamente sobre onde chegou o "SER HUMANO", parece que estamos numa corrida de alta velocidade de volta ao tempo das cavernas, ao cada um por sí, a verdadeira barbárie. Estavamos num super mercado e viamos as pessoas se atropelando, com os carrinhos com se estivessem num ringue. As pessoas avançavam nos produtos como se o mundo estivesse acabando. Parece brincadeira, mas sem nenhum comentário abreviamos nossas compras e fomos embora. O interessante é que na hora não fizemos nenhun comentário mas, na hora do almoço o assunto veio a tona e nós dois tivemos a mesma sensação, pareciamos estranhos, num mundo diferente, um mundo que caminhou para o "TER" esquecendo do "SER", um mundo competitivo.
Hoje passeando pela NET fui parar no blog da Lica Veríssimo (zigueszaguepost.blogspot.com) e achei o artigo da Marta Medeiros que fala exatamente sobre a elegância do comportamento e aproveitando a dica usei-o para a minha postagem de hoje. Quanto a foto da minha mulher com a minha netinha, e o artigo descreve exatamente o perfil da minha da minha mulher.
Abraços
josé jaime

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

terça-feira, 4 de novembro de 2008

CURIOSIDADE DIA DE FINADOS



F I N A D O S



CEMITÉRIOS GUARDAM CURIOSIDADES



No dia de finados,muitos cemitérios expõem curiosidades. Na vizinha cidade de Matias Barbosa além da Capela de Nossa Senhora do Rosário,Patrimônio Histórico Nacional construída no século XVIII às margens do Caminho Novo, o Cemitério Municipal ostenta túmulos muito antigos de personalidades que ajudaram a construir o progresso do município. Mas não é somente esse aspecto que chama a atenção das milhares de pessoas que lotam o local nesta época e sim um Relógio de Sol que marca as horas pontualmente. É óbvio que nesta época em razão do horário de verão ele estampa uma hora a menos. Esta singular,raríssima e curiosa atração foi concebida pelo astrônomo Nelson Travnik,ora residente em Campinas,SP, para adornar o túmulo perpétuo de sua família. Segundo Travnik, a idéia surgiu devido o significado do relógio como instrumento que assinala o tempo de nossa efêmera existência. O relógio mostra os desenhos de uma pirâmide como construção milenar e mística dos egípcios e de outras civilizações e do Sol como fonte de luz,calor e vida e que se encontra presente em muitas culturas como os maias,astecas e incas. O astrônomo explica que os povos antigos sabiam da importância do Sol não somente para estabelecer o calendário e a determinação das estações do ano como e principalmente na eclosão do fenômeno vida,razão pela qual chegaram a venera-lo como deus.



Nelson Travnik é astrônomo e colaborador deste Jornal.


(Foto de José Jaime)

Recebí poe E-Mail esta reportagem e aproveito para comentar não só o "Finados" como para comemorar também os "VIVOS", os amigos que mesmo às vêzes distantes estão sempre tão presentes. Transcrevo a seguir um texto da Leila Thompson que resume bem o que é uma amizade.

"A Sementinha da Amizade

Toda a amizade é uma história particular.
É uma história de conquista.
Primeiro, descobre-se o outro.
Toda a gente parece igual mas não é.
E é precisamente essa coisinha diferente em cada um que torna cada pessoa única.
E de repente a sementinha da amizade é fecundada e começa a desenvolver-se.
Pedacinhos de nós vão ficando nas conversas e pedacinhos do coração do outro vão para dentro de nós.
Há os risos e os sorrisos, a partilha de coisas simples ou de coisas importantes.
As descobertas, cheias de surpresas muitas vezes.
A sensibilidade do outro toca-nos. Dá até vontade de chorar.
Não sabemos ao certo o porquê de nos sentirmos próximos de alguém assim tão longe, tão diferente e tão igual.
Mas a amizade, como o amor, não se questiona. Vive-se.
Sem prazo, sem tempo, sem hora marcada!
Bendita seja essa amizade, prova de que Deus se faz conhecer através das pessoas que alcançam nosso coração.

Letícia Thompson"




O Astrônomo Nelson Travnick fundador do Observatório Flamarion em Matias Barbosa, MG.




Camille Flamarion
Camille Flamarion, um espírita de grande cultura e erudição, viveu entre os séc XIX e XX na França, tendo sido grande amigo de Allan kardec. Ele foi um homem brilhante, interessado nas mais variadas ciências, estudioso desde pequeno e que soube como poucos aproveitar o tempo de forma produtiva.
Camille Flammarion nasceu em 1842 na França. Foi o mais velho de uma família de quatro filhos, e passou uma infância dura e com poucos recursos. Entretanto, desde muito jovem revelou qualidades excepcionais. Queixava-se constantemente que não conseguia fazer um décimo daquilo que planejava. Aos quatro anos de idade já sabia ler, aos quatro e meio sabia escrever e aos cinco já conhecia princípios de gramática e aritmética.
Para que ele seguisse a carreira eclesiástica, puseram-no a aprender latim com um vigário. Aí Flammarion conheceu o Novo Testamento e a Oratória. O padre falava da beleza da ciência, da Astronomia e o jovem Flammarion lhe bebia as palavras.
Mais tarde, Camille foi trabalhar como aprendiz de gravador. Assim, ele pretendia pagar seus estudos na matemática, na língua inglesa e no latim. Queria obter o bacharelado e por isso estudava sozinho à noite. Como sempre foi humilde e nem sempre tinha como comprar velas, estudava ao clarão da lua, após 15 a 16 h diárias de trabalho.
Ingressou na Escola de Desenho dos frades da Igreja de São Roque, e, tendo os domingos livres, naturalmente tratou de ocupá-los. Passou a assistir nesses dias às conferências feitas pelo abade sobre Astronomia. Com o tempo, juntou forças com seus colegas para difundir seus estudos de ciências, literatura e desenho, o que era um programa um tanto ambicioso.
Aos 16 anos de idade, Camille escreveu "Cosmogonia Universal", um livro de quinhentas páginas. Antes já havia escrito uma outra obra menor, "O Mundo antes da Aparição dos Homens". Assim era a vida de Camille Flamarion: estudar muito, trabalhar em exagero e nunca se sentir no direito de descansar...
Um belo domingo, ele desmaiou durante uma missa, o que lhe foi muito providencial. O médico, ao visita-lo, viu sobre sua cabeceira os manuscritos do seu livro sobre Cosmogonia e, impressionado, colocou-o no Observatório de Paris como aluno de Astronomia. Entretanto, lá o jovem Camille sofreu com as perseguições do diretor, que não aguentava um rapaz tão novo acompanhá-lo em estudos tão profundos.
Camille saiu do Observatório aos 20 anos, continuou com mais liberdade os seus estudos, sempre apaixonado por entender o Universo. Publicou no mesmo ano a obra "Pluralidade dos Mundos Habitados", atraindo a atenção da comunidade de estudiosos.
Para conhecer a direção das correntes aéreas, realizou, aos 26 anos, alguns voos aerostáticas. Dois anos depois, ele publicou um tratado sobre a rotação dos corpos celestes e a gravidade. Pela publicação de outra obra, "Astronomia Popular", foi premiado pela Academia Francesa, aos 38 anos.
Espírita convicto, amigo pessoal e dedicado de Allan Kardec, foi ele o escolhido para fazer a prece durante o enterro do Codificador do Espiritismo, na ocasião em que este desencarnou.
As obras deixadas por Camille, de uma forma geral, falam sobre o postulado espírita da pluralidade dos mundos habitados: "Os Mundos Imaginários e os Mundos Reais", "As Maravilhas Celestes", "Deus na Natureza", "Contemplações Científicas", "Narrações do Infinito", "Sonhos Estelares", "A Morte e seus Mistérios" entre muitas outras. Impressionante a energia deste homem, que desencarnou após uma vida de intensa produção aos 83 anos de idade, também na França.(Artigo extraido da INTERNET - FOLHA ESPÍRITA - ON LINE)



Nesta foto de 26 de maio de 1958 estavamos numa das salas do Observatório Flamarion, onde estudávamos astronomia orientados pelo Nelson. Os dois das pontas (José Reis (Zézinho e Márcio)já devem estar continuando seus estudos, só que agora orientados por Flamarion.
E assim declaro aqui o meu respeito e minha admiração a esses seres maravilhosos com, que compartilhei e compartilho momentos de minha vida.
josé jaime

sábado, 1 de novembro de 2008

ASSIM GIRA O MUNDO



Ação, reação, causa, efeito... e assim gira o mundo...

Mas há homens impotentes e mulheres sem coração.

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

EU APRENDI...

Eu aprendi...
...que ignorar os fatos não os altera;

Eu aprendi...
...que quando você planeja se nivelar com alguém, apenas esta permitindo que essa pessoa continue a magoar você;

Eu aprendi...
...que o AMOR, e não o TEMPO, é que cura todas as feridas;

Eu aprendi...
...que ninguém é perfeito até que você se apaixone por essa pessoa;

Eu aprendi...
...que a vida é dura, mas eu sou mais ainda;

Eu aprendi...
...que as oportunidades nunca são perdidas; alguém vai aproveitar as que você perdeu.

Eu aprendi...
...que quando o ancoradouro se torna amargo a felicidade vai aportar em outro lugar;

Eu aprendi...
...que não posso escolher como me sinto, mas posso escolher o que fazer a respeito;

Eu aprendi...
...que todos querem viver no topo da montanha, mas toda felicidade e crescimento ocorre quando você esta escalando-a;

Eu aprendi...
...que quanto menos tempo tenho, mais coisas consigo fazer.

William Shakespeare

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

BRASILEIRO É UM POVO SOLIDÁRIO





Arnaldo Jabor

-Brasileiro é um povo solidário. Mentira. -Brasileiro é babaca.

Eleger para o cargo mais importante do Estado um sujeito que não tem escolaridade e preparo nem para ser gari, só porque tem uma história de vida sofrida;

Pagar 40% de sua renda em tributos e ainda dar esmola para pobre na rua ao invés de cobrar do governo uma solução para pobreza;

Aceitar que ONG's de direitos humanos fiquem dando pitaco na forma como tratamos nossa criminalidade....

Não protestar cada vez que o governo compra colchões para presidiários que queimaram os deles de propósito, não é coisa de gente solidária. É coisa de gente otária.

-Brasileiro é um povo alegre. Mentira. Brasileiro é bobalhão.

-Fazer piadinha com as imundices que acompanhamos todo dia é o mesmo que tomar bofetada na cara e dar risada.

Depois de um massacre que durou quatro dias em São Paulo, ouvir o José Simão fazer piadinha a respeito e achar graça, é o mesmo que contar piada no enterro do pai. Brasileiro tem um sério problema. Quando surge um escândalo, ao invés de protestar e tomar providências como cidadão, ri feito bobo.

-Brasileiro é um povo trabalhador. Mentira.

Brasileiro é vagabundo por excelência. - O brasileiro tenta se enganar, fingindo que os políticos que ocupam cargos públicos no país, surgiram de Marte e pousaram em seus cargos, quando na verdade, são oriundos do povo.

O brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado ao ver um deputado receber 20 mil por mês, para trabalhar 3 dias e coçar o saco o resto da semana, também sente inveja e sabe lá no fundo que se estivesse no lugar dele faria o mesmo.

Um povo que se conforma em receber uma esmola do governo de 90 reais mensais para não fazer nada e não aproveita isso para alavancar sua vida (realidade da brutal maioria dos beneficiários do bolsa família) não pode ser adjetivado de outra coisa que não de vagabundo.

Brasileiro é um povo honesto. Mentira. - Já foi; hoje é uma qualidade em baixa. - Se você oferecer 50 Euros a um policial europeu para ele não te autuar, provavelmente irá preso. Não por medo de ser pego, mas porque ele sabe ser errado aceitar propinas.

O brasileiro, ao mesmo tempo em que fica indignado com o mensalão, pensa intimamente o que faria se arrumasse uma boquinha dessas, quando na realidade isso sequer deveria passar por sua cabeça.

90% de quem vive na favela é gente honesta e trabalhadora. Mentira. - Já foi. Historicamente, as favelas se iniciaram nos morros cariocas quando os negros e mulatos retornando da Guerra do Paraguai ali se instalaram. Naquela época quem morava lá era gente honesta, que não tinha outra alternativa e não concordava com o crime.

Hoje a realidade é diferente. Muito pai de família sonha que o filho seja aceito como "aviãozinho" do tráfico para ganhar uma grana legal. Se a maioria da favela fosse honesta, já teriam existido condições de se tocar os bandidos de lá para fora, porque podem matar 2 ou 3 mas não milhares de pessoas.

Além disso, cooperariam com a polícia na identificação de criminosos, inibindo-os de montar suas bases de operação nas favelas. O Brasil é um pais democrático. Mentira. Num país democrático a vontade da maioria é Lei. A maioria do povo acha que bandido bom é bandido morto, mas sucumbe a uma minoria barulhenta que se apressa em dizer que um bandido que foi morto numa troca de tiros, foi executado friamente.

Num país onde todos têm direitos mas ninguém tem obrigações, não existe democracia e sim, anarquia. Num país em que a maioria sucumbe bovinamente ante uma minoria barulhenta, não existe democracia, mas um simulacro hipócrita. Se tirarmos o pano do politicamente correto, veremos que vivemos numa sociedade feudal: um rei que detém o poder central (presidente e suas MPs), seguido de duques, condes, arquiduques e senhores feudais (ministros, senadores, deputados, prefeitos, vereadores). Todos sustentados pelo povo que paga tributos que têm como único fim, o pagamento dos privilégios do poder. E ainda somos obrigados a votar.

Democracia isso? Pense !

O famoso jeitinho brasileiro.

Na minha opinião um dos maiores responsáveis pelo caos que se tornou a política brasileira. Brasileiro se acha malandro, muito esperto. Faz um "gato" puxando a TV a cabo do vizinho e acha que está botando pra quebrar.

No outro dia o caixa da padaria erra no troco e devolve 6 reais a mais, caramba, silenciosamente ele sai de lá com a felicidade de ter ganhado na loto...malandrões, esquecem que pagam a maior taxa de juros do planeta e o retorno é zero. Zero saúde, zero emprego, zero educação, mas e daí? Afinal somos penta campeões do mundo né? Grande coisa...

O Brasil é o país do futuro. Caramba , meu avô dizia isso em 1950. Muitas vezes cheguei a imaginar em como seria a indignação e revolta dos meus avôs se ainda estivessem vivos. Dessa vergonha eles se safaram... Brasil, o país do futuro!? Hoje o futuro chegou e tivemos uma das piores taxas de crescimento do mundo.

Deus é brasileiro. Puxa, essa eu não vou nem comentar...

O que me deixa mais triste e inconformado é ver todos os dias nos jornais a manchete da vitória do governo mais sujo já visto em toda a história brasileira.

Para finalizar tiro minha conclusão:


O brasileiro merece! Como diz o ditado popular, é igual mulher de malandro, gosta de apanhar. Se você não é como o exemplo de brasileiro citado nesse e-mail, meus sentimentos amigo, continue fazendo sua parte, e que um dia pessoas de bem assumam o controle do país novamente. Aí sim, teremos todas as chances de ser a maior potência do planeta. Afinal aqui não tem terremoto, tsunami nem furacão. Temos petróleo, álcool, bio-diesel, e sem dúvida nenhuma o mais importante: Água doce!

Só falta boa vontade, será que é tão difícil assim?